RUA DA REPUBLICA 235 CENTRO
CEP 58.010-180 JOÃO PESSOA - PB
FONE:
(83) 3031 2903
FAX: (83) 3031 2903
EMAIL:
sindacs.pb@hotmail.com

segunda-feira, 23 de junho de 2014

FÓRUM DOS SERVIDORES REJEITAM PROPOSTA DE REAJUSTE LINEAR DA PREFEITURA E REUNIÃO DEVE AGENDAR MOVIMENTOS E MOBILIZAÇÃO DAS CATEGORIAS!

Secretários: Administração, Articulação Política e Saúde Respectivamente
Reunidos com o secretariado da Prefeitura Municipal de João Pessoa o Fórum dos Servidores rejeitaram a proposta da gestão por considerar que a mesma não atende as necessidades e expectativas da classe trabalhadora, entenda como se deu a negociação até agora:



Primeira Reunião: O Fórum solicitou um reajuste linear de 10% Retroativo a Março de 2014, Implantação de mais uma etapa do PCCR e Criação Através de Lei municipal de uma Data Base para todos os servidores, Nesse momento e após horas de discussão a prefeitura apresentou uma proposta de 4% com efeitos a partir de Junho de 2014.
Segunda Reunião: O Fórum manteve a proposta inicial e deixou claro para a prefeitura que estaria disposto a negociar desde que eles apresentassem uma proposta que no minimo fosse digna de uma reconsideração do fórum, a gestão então subiu o percentual para 6%, se comprometendo a implantar a etapa do PCCR e Criar a Lei determinando uma Data Base para os servidores, O Fórum diminui a pedida para 9% com retroativo a março de 2014, embora tenha havido avanços em dois pontos da pauta os servidores rejeitam a proposta visto que a gestão informa que não teria como chegar aos 9% e foi agendada nova reunião para que os secretários possam discutir com a equipe financeira da prefeitura e dar uma resposta.
Fórum se reúne antes da reunião com os secretários
Reunião Exclusiva do Fórum: O Fórum se reúne e cria um documento para ser entregue ao prefeito contendo além dos pontos já avançados da pauta: Lei da Data Base e Implantação do PCCR deu ainda duas opções para a gestão optar: 7% Retroativo a Março ou 8% A partir de Junho, bem como a manutenção das complementações dos reajustes que já vem sendo discutidas pelas categorias, como é o caso dos ACS, Guarda Municipal e Médicos.
Terceira Reunião: A Prefeitura novamente apresenta suas dificuldades financeiras e informa que sua última proposta seria de 6,5% a partir de Junho e a manutenção dos dois pontos já mencionados, com isso o fórum rejeitou a proposta e irá se organizar para mobilizar as suas categorias se a prefeitura não atender a solicitação mínima que foi oficializada.

Coordenação do SINDACS 





Representações dos Servidores



Nenhum comentário:

Postar um comentário